segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

Violência em Gama/DF ! Torcedor leva um tiro na nuca.




Parabéns ao São Paulo pelo Hexa e pelo Tri seguido, pelo meu Fogão que venceu o Palmeiras por 1 a 0, coisa que pouca gente esperava e meus "Pêsames" aos torcedores de Figueirense e Vasco da Gama rebaixados.


Mas o meu destaque nesse final de Campeonato Brasileiro infelizmente não é sobre o futebol apresentado pelas equipes ontem...

Lamentável, o fato concorrido antes do jogo entre Goiás x São Paulo valido pela ultima rodada... O policial acabou tirando na nuca de um torcedor são-paulino, foi acidentalmente... É verdade, porém devemos rever os nossos conceitos sobre isso... Não sou falando mal da polícia de Gama, estou falando em geral mesmo... Obviamente existem torcedores que não vão ao estádio só para vibrar pelo seu time do coração, e a policia está lá para conter isso, mas o preparo não só pratico, mas o psicológico é fundamental, para se lidar com o publico, isso poderia ser evitado, não sei se o torcedor deu algum motivo para isso, mas sem duvidas... Faltou prudência ao policial.


A Justiça concedeu liberdade provisória ao sargento da Polícia Militar José Luiz Carvalho Barreto, suspeito de ter atirado em um torcedor do São Paulo no domingo, pouco antes da partida contra o time do Goiás, no estádio Bezerrão, no Gama (DF). O sargento está preso em uma penitenciária militar. Segundo a Associação dos Policiais e Bombeiros Militares (Aspol) do Distrito Federal, que assumiu a defesa de Barreto, ele será libertado até a 0h.

O Hospital de Base de Brasília informou em boletim médico divulgado às 17h20 que o estado de saúde do torcedor Nilton César de Jesus, 26 anos, permanece grave. A vítima, baleada na cabeça, está em coma induzido. Segundo o boletim, não houve penetração craniana, o tiro atingiu a nuca do torcedor e saiu pela região auricular. O paciente passou por uma cirurgia de derivação ventricular esta tarde - para a colocação de um dreno - e sua pressão cerebral está sendo constantemente monitorada. Segundo o Hospital, entre 48h e 72h, o medicamento deve ser retirado para que a equipe médica avalie a reação do paciente.

O disparo ocorreu durante confronto envolvendo uma facção organizada do São Paulo e policiais. O sargento foi autuado por lesão corporal grave. Segundo nota oficial da assessoria da Polícia Militar, Barreto tinha cerca 20 anos de serviço sem desvios de conduta.

Em nota, a PM considerou o fato lamentável e ressaltou que tem trabalhado "para que erros como esse não venham a ocorrer". A corporação também afirmou que o estudo de caso exige "treinamentos futuros". O sargento estava lotado no 9º batalhão, no Gama.


Que sua familia tenha muita força e fé em Deus nesse momento tão difícil. Vi hoje no programa "Balaço Geral" do Rio de Janeiro, a tristeza de seus parentes.. É preciso ter muita força mesmo, é chocante... Coisas que o povo pensa "Só acontece com o vizinho"

3 comentários:

AlexJF disse...

O PM não teve culpa, é só olhar as imagens, ele ficou sem reação, ele queria só dar um sossega no cara que por sinal já tinha se rendido mais tava andando pra longe.
Foi um acidente.

Anônimo disse...

CONCORDO PLENAMENTE E ESTOU AQUI PARA DEFENDER O POLICIAL, POIS É UM ABSURDO ESSE ANIMAIS, POR QUE ESSAS PESSOAS QUE VÃO PARA OS ESTÁDIOS PRA BRIGAR SÃO ANIMAIS E POR ISSO MERECEM SIM UMA CORREÇÃO. LÓGICO QUE O POLICIAL NÃO TEVE A INTENÇÃO DE DISPARAR O TIRO NOTA-SE PELO VÍDEO, PORÉM O ACIDENTE ACONTECEU, DE QUALQUER FORMA FICA UM ALERTA PARA TODOS OS ANIMAIS QUE GOSTAM DE IR PARA OS ESTÁDIOS PARA BRIGAR!!!!!

Maradona disse...

o torcedor estava errado, mas convenhamos que fora esse caso a policia no Brasil é de um descontrole total, usam de abuso de autoridade, nos abordam com uma violência tremenda.

mas ir fechar as biqueiras eles ñ vão só vão la para rever seus novos amigos e pegar o $ do mês.

Fora que se fosse um civil que tivesse atirado no torcedor estaria preso até agora e permaneceria preso durante muito tempo, agora como é policial responde o processo em liberdade e pior continua exercendo seu cargo de sargento sem problemas algum, é por isso que eles cometem e vão continuar cometendo cagadas.

Como que o idiota com 20 anos de policia me da uma coronhada com a arma destravada e com o dedo no gatilho, prisão para ele.

ha pessoas que ja são folgadas sem ser merda nenhuma quando viram policial então sai de perto.

enquanto os policiais receberem tratamento especial em tribunais as coisa nunca vão mudar.